Últimas Notícias

A jornalista que gosta de antiguidades

Um retrato de Aline Monteiro, por Andressa Luna, ambas participantes do curso de Jornalismo da ComCat e novas autoras do favela.info.

Moradora da Vila das Canoas, em São Conrado, Aline Monteiro, de 22 anos, está no terceiro ano de jornalismo. Tem uma grande identificação com a comunidade da Rocinha, que passou a conhecer melhor quando trabalhou na comunicação do PAC. Foi lá também que conheceu Leandro, seu namorado. “Ele é meu maior refúgio”, diz ela.

Aline Monteiro sonha em morar no Catete, sozinha, com um cão da raça Labrador. “Gosto do Catete por achar um bairro tranquilo e perto de tudo”, diz ela, para quem os moradores do seu bairro “são muito nariz em pé”, como gosta de dizer com seu jeito sempre irreverente.

Individualista e ansiosa, Aline Monteiro vive com a mãe e o irmão de 14 anos, mas tem uma irmã, por parte de pai, de cinco anos. “Tenho um ótimo relacionamento com ela, mas às vezes sinto um pouco de ciúme do meu irmão, achando que tudo lá em casa é para ele”, conta ela, cujos pais são se separaram há seis anos.

Ela está empolgada com o curso da Comcat, mas gosta mesmo de trabalhar em comércio e aguarda uma proposta de emprego neste ramo. Enquanto a oportunidade não chega, vai ao cinema e a museus, seus hobbies preferidos. Ela também ama antiguidades e sonha conhecer o Egito, Peru e México.

Quer garantir o futuro do RioOnWatch?

A doação mensal é a maneira mais sustentável e eficiente de apoiar nosso trabalho incansável e contínuo em prol das favelas do Rio. Comece seu apoio hoje mesmo. CLIQUE AQUI PARA APOIAR.