Últimas Notícias

Time de Futebol do Complexo do Alemão Precisa de Doações Urgentes Para Realizar Sonho de Bicampeonato

O time de futebol do Complexo do Alemão pode perder a chance de conquistar o bicampeonato brasileiro de Fut7 se não arrecadar fundos urgentemente. O torneio, que será realizado do dia 23 a 26 de julho é em Brasília e os jogadores do time Alemão Futebol Clube da categoria sub17 não têm dinheiro para transporte ou hospedagem na capital.

Os treinadores do time, todos moradores voluntários, treinam meninos e meninas da comunidade dos sete aos 17 anos. De acordo com o treinador João Luis de Araujo Perez, 42, o time já deu oportunidades de carreira para meninos de toda a comunidade, inclusive Alex Silva que hoje joga no sub20 da República Tcheca e Vitinho que joga no Internacional.

Voluntário do projeto social há 20 anos, João Luis explica que todos os professores são voluntários e que o projeto nasceu para beneficiar as crianças do Alemão.

“O nosso time tem mais de 25 anos fazendo trabalho social aqui. Começou com o nosso amigo João Augusto e eu tenho 20 anos de projeto. Nós fazemos esse trabalho aqui por amor mesmo. Não temos nenhum projeto do governo, nem do Estado, nem da prefeitura. A gente sempre trabalhou em prol das crianças da comunidade.”

Mesmo com tanto sucesso, dedicação e amor na parte dos voluntários, o time se encontra em uma posição difícil para chegar no campeonato em Brasília. A comunidade organizou uma feijoada solidária no sábado, dia 11 de julho e rifou uma camisa oficial do Flamengo assinada pelo jogador Adílio mas a o valor preciso ainda não foi atingido um dia antes da viagem. O time, que já é campeão nacional da categoria sub17, ainda precisa de R$1800 para fazer a viagem.

“Estou bem triste porque acho que não vamos conseguir fazer a viagem”, disse João Luis ao sair de uma reunião com o time na noite do dia 21. “Ainda precisamos de R$1800”.

Doações podem ser feitas por transferência bancária para o banco Bradesco (agência: 2043-5 conta: 0038 776-2) e o time pode ser contatado pela página de Facebook. Caso a meta não seja cumprida, o dinheiro será usado para manter o time em outras instâncias.

João Vitor é o camisa 10 do time.

 

Quer garantir o futuro do RioOnWatch?

A doação mensal é a maneira mais sustentável e eficiente de apoiar nosso trabalho incansável e contínuo em prol das favelas do Rio. Comece seu apoio hoje mesmo. CLIQUE AQUI PARA APOIAR.