Últimas Notícias

Contribuir

Cadastro de Contribuidores

O RioOnWatch, projeto da organização Comunidades Catalisadoras (ComCat), publica matérias, reportagens, vídeos e foto-reportagens de jornalistas, comunicadores populares e comunitários, pesquisadores e outros colaboradores, no Rio de Janeiro, em português e inglês–traduzidas por nós–no site www.RioOnWatch.org. Matérias inéditas por comunicadores comunitários selecionadas são remuneradas. Todas as demais matérias no site são contribuições solidárias ao debate atual sobre o Rio, com foco nas favelas cariocas (verifique a Linha Editorial abaixo).

Para se cadastrar como contribuidor, preencha o cadastro aqui. Para propor uma matéria clique aqui ou escreva para contato@rioonwatch.org.br.

Comunicadores Comunitários

A contribuição dos jornalistas comunitários é fundamental para o diálogo que está acontecendo mundialmente sobre as mudanças e o crescimento do Rio. Com o site RioOnWatch, a ComCat busca estimular, incentivar e valorizar o trabalho de comunicadores comunitários no Rio, proporcionando uma plataforma internacional para vozes comunitárias.

Saiba mais sobre o projeto do RioOnWatch aqui. Paute sua matéria aqui.

Requisitos necessários para a publicação de uma matéria remunerada no RioOnWatch:

  • Matéria inédita escrita por comunicador comunitário.
  • Preencher o formulário de inscrição aqui.
  • Seguir a linha editorial (veja abaixo). A coerência da pauta com os objetivos do RioOnWatch é fundamental para aprovação da pauta.
  • Enviar 3-5 fotos de boa qualidade, retratando a matéria com as devidas legendas, caso seja matéria escrita.
  • Incluir links relevantes sempre que puder dentro da matéria.
  • Enviar os dados de uma conta corrente para o pagamento.

As matérias selecionadas para remuneração precisam ser inéditas. Matérias urgentes são bem-vindas através do email contato@rioonwatch.org.br. Conheça os passos e regras completas aqui.

Linha Editorial

Desde do início de 2017, a nova linha editorial da RioOnWatch está empenhada em:

  • Documentar a visão dos moradores das favelas sobre e para políticas públicas, de modo a informar os tomadores de decisão municipais e profissionais internacionais de desenvolvimento.
  • Publicar colunas específicas de favelas e opiniões escritas por moradores de favelas de modo a integrar as perspectivas das favelas em suas próprias comunidades.
  • Destacar as estratégias de organizações, soluções comunitárias e tecnologias ecológicas de favelas no Rio e em todo o mundo de modo a informar e inspirar iniciativas de desenvolvimento colaborativo e sustentável de base.
  • Popularizar conceitos de planejamento urbano para que cidadãos possam desenvolver suas comunidades de forma mais eficaz.
  • Observar o legado Olímpico e monitorar a cobertura da imprensa nacional e internacional nas favelas, de modo a manter e aproveitar o legado do RioOnWatch como um site de notícias de monitoramento Olímpico e oferecer lições para as cidades contempladas ou que estejam sediando megaeventos.
  • Analisar paralelos e mostrar solidariedade às comunidades informais em todo o mundo, para estabelecer conexões, redes de apoio e um senso de experiência e propósito comuns em comunidades tradicionalmente isoladas em todo o mundo (e em parceria com grupos ou sites similares à ComCat/RioOnWatch).
  • Continuar a analisar, introduzir e informar políticas locais e debates sociais sobre o Rio de modo a reforçar drasticamente a compreensão contextual e a compaixão necessárias para gerar maiores mudanças políticas que venham a beneficiar toda a sociedade.

Desde do seu início, o programa RioOnWatch tem trabalhado para aumentar a participação de jornalistas comunitários e observadores internacionais através de artigos e reportagens sobre as transformações do Rio, e também tem dialogado com a grande imprensa e a imprensa alternativa visando gerar uma visão mais precisa das favelas, das suas contribuições à cidade e de suas perspectivas.