Últimas Notícias

Quer Ajudar as Favelas do Rio a Mitigar os Efeitos da Covid-19? Aqui Está uma Lista de Pontos de Doação

Soluções das Próprias Comunidades Proporcionam as Melhores Respostas à Situação

Click Here for English

Esta é a segunda matéria sobre o assunto que estará em destaque no RioOnWatch no futuro próximo: o novo coronavírus e seus impactos sobre as favelas. Última atualização: 23 de abril.

Devido à chegada da Covid-19 ao Rio de Janeiro, estar consciente e agir para precaver o risco que isso traz para a saúde e economia das favelas é imprescindível. Para mitigar este risco inúmeros coletivos e organizações comunitárias, em estado de alerta, têm lançado campanhas de arrecadação de doações para fortalecer a prevenção e apoiar os seus moradores. São organizações que têm atuado incansavelmente por anos, em seus territórios, trazendo conhecimentos, acolhimento e soluções.

Como os moradores podem fazer a prevenção sem saneamento adequado, acesso regular à água ou recursos para comprar desinfetante? Como medidas efetivas de quarentena podem ser praticadas por moradores que não podem deixar de sair para trabalhar?

Organizações comunitárias de diferentes favelas adotaram plataformas virtuais para pedir doações físicas de alimentos e produtos de higiene, doações monetárias para comprar esses produtos, e recursos para apoiar campanhas de informação. É prova da severidade da situação e da eficiência e organização das comunidades fluminenses a quantidade de campanhas que surgiram em poucos dias para mitigar os impactos da Covid-19 nas favelas. As soluções vêm das próprias comunidades e, assim, garantem uma resposta direta, dinâmica e eficaz para responder à situação.

Com a publicação desta matéria pesquisada com muito carinho, esperamos que cada leitor escolha pelo menos uma organização para apoiar, seja por já conhecê-la, por simpatia à missão, por ser vizinha próxima ou algum outro critério. Esperamos que além de doar, busquem conhecer de perto o projeto, após este momento de isolamento. Enfim, esperamos que através desta matéria, surja uma avalancha do bem, de solidariedade que fortaleça a nossa resistência quanto sociedade para que tornemos mais resilientes perante a crise, e chegamos juntos de novas formas que perpetuam para além dela. E, por favor, espalhe essa matéria para todos que possam empatizar!

Caso conheça alguma campanha comunitária não incluída na lista abaixo, envie sua sugestão pois esta matéria será atualizada com frequência. Última atualização: 23 de abril.

Moradores colocam alertas no Complexo do Alemão sobre o coronavírus. Foto: Divulgação/Voz das Comunidades

Campanhas de Apoio de Organizações Comunitárias na Região Metropolitana do Rio de Janeiro (ordem alfabética)

Centro

Morro da Coroa

Organização: A Sociedade do Amigos do Morro da Coroa (SAMC) está arrecadando alimentos, produtos de higiene e limpeza e doações financeiras para os moradores do Morro da Coroa.
Doações: As doações podem ser deixadas nos pontos de coleta no Raízes do Brasil (Rua Áurea, 80 – Santa Teresa) ou no Lava-Jato 100 Nome (Rua Santa Catarina, 367 – Santa Teresa) ou via depósito bancário:

Banco Santander
Agência: 3838
Conta corrente: 13.000.268-6
Centro de Apoio Ao Desenvolvimento Osvaldo Dos Santos Neves (CADON)
CNPJ: 02.593.213/0001-08

Morro da Providência

Organização: Casa Amarela, um centro cultural e artístico no Morro da Providência. A Casa Amarela está arrecadando doações para, em gestão com moradores, distribuir alimentos e kits de higiene.
Doações: aqui e aqui

Organização: Entre o Céu e a Favela, uma organização de arte, cultura e desenvolvimento social do Morro da Providência e integrante da Rede Favela Sustentável. Entre o Céu e a Favela está aceitando doações diretas e financeiras para a compra de itens de limpeza e alimentos.
Doações: aqui

Morro da Providência, Morro do Pinto e Morro da Conceição

Organização: A campanha SOS Comunidades da Zona Portuária (que está sendo puxada pelo Projeto Cultural Zona Portuária, a ONG Casa Amarela, e moradores da região, como o Cosme Felippsen) está arrecadando dinheiro para a compra de cestas básicas e kits de higiene que serão distribuídas, nesse momento, para famílias vulneráveis da Providência e para a cooperativa ”É Conceição!’ do Morro da Conceição.
Doações: aqui

Santo Amaro

Organização: A campanha Todos pelo Santo Amaro, puxada pela Ademafia, um coletivo que usa o skate como transformação social, vai distribuir cestas básicas e material de higiene para os moradores do Santo Amaro.
Doações: aqui

Zona Norte

Aldeia Maracanã

Organização: Aldeia Maracanã, um polo de resistência indígena no Rio, que fica ao lado do Estádio do Maracanã. É um espaço comunitário e de referência para o movimento indígena. A aldeia está arrecadando doações para garantir água, alimentos, produtos de limpeza e remédios para seus moradores durante a quarentena.
Doações: aqui

Complexo de Acari

Organização: Coletivo Fala Akari, um grupo de moradores e militantes da favela de Acari, organizados com o objetivo de realizar, disseminar e divulgar ações culturais e educacionais e denunciar todas as formas de opressões cometidas pelo estado no território. O Fala Akari está aceitando doações financeiras para a compra de alimentos básicos e produtos de limpeza.
Doações: via PayPal (bruuna.aguiar@hotmail.com) ou depósito bancário:

Caixa Econômica
Agência: 3057
Conta: 17870-6
CPF: 136.905.727-03
Bruna S. A. Barbosa

Ou entre em contato com o Coletivo Fala Akari: (21) 974674021

Complexos do Alemão e da Penha

Organização: Abraço Campeão, uma organização comunitária sediada no Complexo do Alemão que, desde 2014, tem inspirado crianças e jovens por meio das artes marciais, integradas à educação e ao desenvolvimento pessoal. O Abraço Campeão está aceitando doações financeiras para a compra de materiais como água, sabão, desinfetante para as mãos e alimentos para as famílias do Complexo do Alemão.
Doações: aqui

Organização: Centro de Integração na Serra da Misericórdia (CEM), organização comunitária sediada no Complexo da Penha com histórico de trabalho em agricultura urbana e agroecologia na favela e promoção da alimentação saudável. Junto com outras organizações locais, está com uma campanha de conscientização e informação e de doação de alimentos, materiais de higiene e materiais infantis (jogos e materiais de papelaria) para moradores das favelas do Complexo da Penha, em especial a comunidade da Terra Prometida.
Doações: aqui ou doação de alimento nos pontos de coleta: feira orgânica de Olaria (Praça Maurício Cardoso) aos sábados de manhã, escada da Rua Aymoré (Penha) todos os dias ou Guanabara da Penha toda quarta manhã. Contato: (21) 99744-4870 (Ana).

Organização: Coletivo Papo Reto, um coletivo de comunicação independente composto por jovens moradores dos Complexos do Alemão e da Penha. O coletivo, que tem um forte histórico de luta pelos direitos humanos, está aceitando doações diretas e financeiras para a compra de alimentos básicos e produtos de limpeza para as famílias dos Complexos do Alemão e da Penha.
Doações: aqui

Organização: Cooperativa Transvida, formada por dezenas de catadores trabalhando desde 2011 com a coleta de materiais recicláveis no Complexo da Penha. Além de gerar renda para suas famílias, buscam com o seu trabalho estimular a educação ambiental nas favelas. São membros ativos da Rede Favela Sustentável do Rio de Janeiro. Os catadores estão com suas atividades suspensas por causa do risco de contaminação dos resíduos. Estão em busca de apoio para a compra de produtos de limpeza e alimentos básicos para proteger as famílias da fome.
Doações: aqui

Organização: Espaço Democrático De União, Convivência, Aprendizagem E Prevenção (Educap), uma ONG educacional, social e de saúde do Complexo do Alemão. A Educap está aceitando doações em espécie e financeiras para a compra de materiais como água, sabão, desinfetante para as mãos e alimentos para as famílias do Complexo do Alemão. Educap também é membro da Rede Favela Sustentável.
Doações: aqui

Organização: Voz das Comunidades, site de notícias originado e centrado nas favelas do Rio, sediado no Complexo do Alemão. A campanha, criada pelo Voz das Comunidades, Pandemia com Empatia está aceitando doações financeiras para a compra de materiais como água, sabão e desinfetante para as mãos para famílias vulneráveis.
Doações: aqui

Complexo da Maré

Campanha Comunitária: Complexo da Maré Contra o Coronavírus, coalização formada por comunicadores e comunicadoras da Maré, dos coletivos Maré Vive, Maré 0800 e AmarÉvê, lançou uma campanha de doação para manter vivas as ações de comunicação durante esse período de pandemia.
Doações: aqui

Organização: Luta pela Paz, é uma organização que utiliza boxe e artes marciais combinados à educação e ao desenvolvimento pessoal para desenvolver o potencial de jovens no Complexo da Maré. A Luta pela Paz está aceitando doações financeiras para a compra de produtos de limpeza, água e alimentos básicos para as famílias dos participantes do programa na Maré.
Doações: aqui

Organização: Redes da Maré, uma instituição da sociedade civil que há 22 anos produz conhecimento, elabora projetos e ações para garantir políticas públicas que melhorem a vida dos moradores da Maré,. A Redes da Maré está aceitando doações diretas e financeiras para a compra de alimentos, água, produtos de higiene pessoal e materiais de limpeza. Os itens podem ser entregues no Centro de Artes da Maré (Rua Bitencourt Sampaio, 181 – Maré), terças e quintas-feiras, das 14:00 às 17:00h.
Doações: aqui

Costa Barros

Organização: Visão Restaurar, uma escolinha de futebol para jovens e crianças em Costa Barros, que está recebendo doações diretas de cestas básicas.
Doações: Os itens podem ser entregues em sua sede (Rua Maria José Mynssen, Conjunto Tom Jobim – Pavuna) e contribuições financeiras podem ser feitas entrando em contato com Felipe Rocha, pelo telefone (21) 979196583.

Jacarezinho

Organização: Projeto NICA, um programa de alfabetização e pré-vestibular no Jacarezinho, que através da campanha Jacarezinho no Combate ao Coronavírus está aceitando doações financeiras para a compra de kits de higiene e alimentos para as famílias de região.
Doações: aqui

Manguinhos

Organização: A articulação Manguinhos Solidário (que inclui o Ballet Manguinhos, a Associação de Moradores do Mandela 2, o Fala Manguinhos, entre outros), foi reativada para arrecadar alimentos, remédios e material de limpeza para os moradores de Manguinhos.
Doações: aqui

Organização: Um grupo de trabalhadores da Fiocruz se uniu e está aceitando doações financeiras para a compra de alimentos, produtos de higiene e material de limpeza para as famílias de Manguinhos.
Doações: Via depósito bancário:

Banco Bradesco
Agência: 3002
Conta corrente: 0305422-5
Silvana Granado Nogueira da Gama
CPF: 790.876.637-49
Contatos: (21) 980137600 (Jussara Angelo) ou (21) 986451606 (Silvana Granado)

Morro dos Macacos

Organização: Anjos da Tia Stellinha, uma organização educacional e de apoio psicossocial no Morro dos Macacos, está aceitando doações diretas de kits de limpeza e higiene pessoal, além de doações financeiras.
Doações: Via depósito bancário:

Banco Bradesco
Agência: 1400
Conta corrente: 3130-5
CNPJ 27.481.838/0001-09

Organização: Associação de Moradores do Morro dos Macacos
Doações: A associação de moradores está aceitando doações diretas de produtos de higiene, materiais de limpeza, água e alimentos na sede da associação (Rua Senador Nabuco, 248 – Vila Isabel) ou na Loja Ferragens (Rua Souza Franco, 356 – Vila Isabel). Informações: (21) 979031949.

Pica-Pau

Organização: #PicaPauContraCoronavirus, campanha lançada por Irenaldo Honório da Silva, de Pica-Pau em Cordovil, irá garantir cestas básicas para moradores vulneráveis e aluguel de carro de som para divulgar informativos sobre o coronavírus e medidas de prevenção.
Doações: aqui

Serrinha

Organização: A campanha Avante Serrinha, puxada pela Companhia de Aruanda, um coletivo artístico e cultural da Serrinha e arredores, está arrecadando alimentos e material de limpeza e de higiene pessoal para moradores do Morro da Serrinha.
Doações: aqui

Zona Oeste

Beira do Rio, Gardênia Azul

Organização: O Favela Vertical, coletivo que promove atividades culturais, educacionais e artísticas nas comunidades do Gardênia Azul, está arrecadando doações para ajudar as famílias da comunidade da Beira do Rio.
Doações: Via PicPay (@favelavertical) ou depósito bancário:

Banco Itaú
Agência: 9291
Conta corrente: 21011-1
ou
Nubank
Agência: 0001
Conta corrente: 3421972-9
Rafael Mendes de Oliveira
CPF 170.746.447-22

Cidade de Deus

Campanha Comunitária: A CDD Contra o Corona Covid-19, campanha organizada por ativistas e lideranças comunitárias da Cidade de Deus, está arrecadando itens de limpeza e higiene pessoal, que serão distribuídos para moradores da Cidade de Deus.
Doações: aqui

Organização: Marginal, uma escola de educação popular, comunicação comunitária e política originada na Cidade de Deus.
Doações: aqui

Favela do Aço, Santa Cruz

Organização: A mobilização coletiva da Favela do Aço/Vila da Paciência, liderada pelas organizações locais Levante Aço, Plataforma Casa e PEPUC (Projeto Esperança para uma Criança), está arrecadando doações para a compra de alimentos, detergente, sabonete e papel higiênico.
Doações: aqui

Rio das Pedras

Organização: Cine & Rock, uma iniciativa que visa ao fortalecimento da cidadania plena e da justiça social através do desenvolvimento das culturas urbanas e é integrante ativo da Rede Favela Sustentável. O Cine & Rock está arrecadando cestas básicas e material de higiene e limpeza para distribuir para as famílias de Rio das Pedras.
Doações: aqui ou podem ser deixadas na sede do Cine & Rock (Estrada de Jacarepaguá, 3640 – Rio das Pedras). Contato: (21) 992431324 (Leu).

Vila Kennedy

Campanha Comunitária: O Gabinete de Crise VK, formado por um grupo plural de lideranças comunitárias, profissionais da saúde pública, agentes comunitários, assistentes sociais, articuladores culturais, religiosos, professores, esportistas, comerciantes, comunicadores, influenciadores digitais, etc. da Vila Kennedy, está arrecadando doações para produção de faixas e para circulação de carros de som informativos e produtos de higiene. As doações podem ser entregues no Centro Comunitário Irmãos Kennedy (CCIK), integrante da Rede Favela Sustentável.
Doações: Na sede do CCIK, Estrada Sargento Miguel Filho, 371 – Vila Kennedy.

Organização: Projeto SAAF, uma organização comunitária voltada para as crianças da Vila Kennedy. O SAAF está aceitando doações de sabão, materiais de limpeza doméstica e alimentos não perecíveis.
Doações: aqui

Zona Sul

Chapéu Mangueira e Babilônia

Organização: A RevoluSolar, uma organização sem fins lucrativos de base comunitária, no Chapéu Mangueira e Babilônia, dedicada a levar energia renovável às favelas e também ativa da Rede Favela Sustentável, está aceitando doações financeiras para a compra de alimentos básicos e produtos de higiene a serem distribuídos aos moradores.
Doações: aqui

Contatos: (21) 998886649 (Valdinei Medina) ou (21) 979214486 (Adriano Paraíso)

Babilônia Utopia: A Babilônia Utopia em parceria com a TV 247, está organizando uma vaquinha para compra de mais itens de limpeza e higiene para as favelas da Babilônia e do Chapéu Mangueira.
Doações: aqui e podem, alternativamente, ser deixadas na sede da Babilônia Utopia (contatar André Constantine no número (21) 99030-7685).

Rocinha

Organização: A Rocinha Resiste, uma organização comunitária dedicada à comunicação entre favelas, está aceitando doações financeiras para uma campanha de conscientização (placas e faixas) e para a compra de água sanitária, sabão, desinfetante para as mãos, água e produtos básicos para as famílias da Rocinha.
Doações: aqui

Organização: Favela Ação, uma escola juvenil de boxe e kickboxing, está aceitando kits de higiene e água e produtos de limpeza para as crianças da Rocinha.
Doações: Via depósito bancário:

Banco Nubank
Agência: 0001
Conta corrente: 14861915-4
Eder Alexandre Silva
CPF: 104.329.547-08

Organização: O Núcleo de Assistência Social Cultural, Educacional e Ecológico da Rocinha (NASCEER), o Guia Mix, e Grupo de Evangelismo Comissão e Resgate (GECORE)—três iniciativas comunitárias da Rocinha—se uniram para receber doações e distribuir cestas básicas, materiais de higiene e latas de leite em pó para os moradores.

Doações:
Banco PagSeguro Internet S.A
Agência: 0001
Conta corrente: 01662308-4
GECORE
CNPJ: 05.575.736/0001-01

Santa Marta

Organização: O Santa Marta Pede Ajuda é um movimento apartidário unindo sociedade civil e iniciativa privada para ajudar as vítimas da crise do coronavírus. A iniciativa providenciará cestas básicas, kits de higiene e máscaras faciais para os moradores do Santa Marta.
Doações: aqui ou aqui

Vidigal

Organização: A Associação dos Moradores do Vidigal conta com a sua ajuda para uma vaquinha com o objetivo de comprar alimentos e produtos de higiene básicos para os moradores em situação de fome.
Doações: aqui

Organização: O Movimento de Mulheres de Apoio Humanitário (MMAH), ONG que atua no Vidigal com rodas de conversa e assistência a famílias em vulnerabilidade social, está arrecadando doações para distribuir kits de higiene e limpeza e cestas básicas para as 100 famílias atingidas no projeto.
Doações: aqui ou depósito bancário:

Banco Itaú
Agência: 8548
Conta corrente: 42793-2
Movimento de Mulheres de Apoio Humanitario
CNPJ: 23.458.384/0001-96

Organização: O Nós do Morro, grupo teatral que atua com formação profissional e acesso à arte e cultura no Vidigal, articulou-se com lideranças comunitárias para arrecadar produtos de higiene pessoal e limpeza para famílias do Vidigal.
Doações: aqui

Organização: SER Alzira de Aleluia, ONG comunitária que fornece projetos socioeducativos no Vidigal, está aceitando alimentos e material de limpeza para distribuir aos moradores do Vidigal que os necessitam.
Doações: Os itens podem ser entregues em sua sede (Rua Major Toja Martinez Filho, 128A – Vidigal).

INTEGRANTES DO COLETIVO PAPO RETO SEGURANDO UMA DAS FAIXAS QUE ESTÃO COLOCANDO NAS FAVELAS. FOTO: BENTO FABIO/ COLETIVO PAPO RETO

Baixada Fluminense

Duque de Caxias

Organização: Associação de Mulheres de Atitude com Compromisso Social (AMAC), que acolhe mulheres vítimas da violência doméstica e em situação de vulnerabilidade social, está recebendo doações diretas e financeiras para a compra de alimentos e produtos de limpeza para mulheres locais. A AMAC é integrante ativo da Rede Favela Sustentável.
Doações: As doações podem ser entregues na Travessa Presidente Kennedy, 194, Parque Fluminense – Duque de Caxias, ou retiradas mediante agendamento pelo telefone (21) 998078422 (Nill Santos). Via depósito bancário:

Banco Itaú
Agência: 8297
Conta: 18154-0
CNPJ: 24.119.219/0001-72

Organização: A MALOCA, um movimento que promove saúde mental e geração de renda para mulheres em Caxias, está arrecadando dinheiro para compra de alimentos, produtos de limpeza, sabonete e álcool em gel para serem doados às famílias da comunidade do Pantanal, em Duque de Caxias. A MALOCA também é integrante da Rede Favela Sustentável.
Doações: aqui

Organização: Movimenta Caxias, uma organização de desenvolvimento comunitário em Caxias, está aceitando doações diretas e financeiras para a compra de alimentos, produtos de limpeza e água engarrafada para os moradores vulneráveis de Caxias.
Doações: aqui

São João de Meriti

Organização:Projeto Inclusão, que visa oferecer à comunidade atividades de educação, cultura, arte e esportes, proporcionando uma perspectiva de transformação social para a comunidade em São João de Meriti, está aceitando doações para apoiar o retorno de suas atividades após a recuperação da Covid-19. Projeto Inclusão são membros ativos da Rede Favela Sustentável.
Doações: aqui

Niterói

Organização: O Favela & Arte, que oferece oficinas de arte, música, esporte para comunidades em Niterói, está aceitando doações de alimentos e material de higiene.
Doações: Os itens podem ser entregues em sua sede (Rua Nossa Senhora das Graças 474, Viradouro, Santa Rosa – Niterói) ou pode ser buscado mediante agendamento pelas redes sociais.

Organizações da Sociedade Civil que Direcionarão Doações para Comunidades, Desabrigados e Catadores

Organização: A Agência de Notícias das Favelas está arrecadando doações financeiras para serem repassadas para famílias de favelas e periferias necessitadas em todo o Brasil.
Doações: aqui

Organização: Ajude a CasaNem é uma iniciativa para apoiar pessoas LGBTQIA+ e profissionais do sexo que vivem em vulnerabilidade social na Grande Rio. Promovida pela CasaNem e pelo Grupo TransRevolução, a iniciativa entregará diretamente cestas básicas e itens essenciais de higiene para os seus atendidos. O Coletivo Puta Davida também montou uma plataforma de doações para apoiar o CasaNem. Moradores das seguintes áreas serão beneficiados: Lapa, Glória, Estácio, Copacabana, São João de Meriti, Nova Iguaçu, Mesquita, São Gonçalo e entorno.
Doações: aqui em reais (onde sua doação será triplicada pelo Fundo Colaborativo Enfrente) ou aqui em dólares

Organização: Catadores em Quarentena, uma nova iniciativa de apoio aos coletores das associações Coopama, Coopfuturo e Coopideal, está aceitando doações financeiras para a compra de cestas básicas para catadores de lixo informais.
Doações: aqui

Organização: A campanha Cidades contra o Coronavírus (que está sendo organizada pelo IAB, a Casa Fluminense, o BR Cidades Núcleo Rio de Janeiro e a Comunidades Catalisadoras, entre outros) está arrecadando doações financeiras para a compra de alimentos, materiais de limpeza e kits de higiene pessoal para serem distribuídos para favelados, sem-teto e trabalhadores informais da cidade do Rio e da Baixada Fluminense. As organizações que serão contempladas são: a Associação de Moradores e o Núcleo Independente e Comunitário de Aprendizagem (Nica) no Jacarezinho; o Jornal Vila Cruzeiro; a Cozinha Comunitária de São Gonçalo do MTST, na Favela do Rato Molhado; Movimento Unidos dos Camelôs; o Festival de Artes de Imbariê, em Caxias; o Rolé dos Favelados; o Instituto Raízes em Movimento, no Complexo do Alemão; a Paróquia N.S. Sagrado Coração e São José Operário, no Morro da Barão, Praça Seca; a Associação Capitão Menezes e Associação de Deus da Capitão Menezes, Praça Seca; a Cia. de Aruanda, no Morro da Serrinha; o Manguinhos Solidário e o projeto Wakanda Solidária.
Doações: aqui

Organização: A Comunidades Catalisadoras (ComCat), organização que publica o RioOnWatch e gera a Rede Favela Sustentável, está direcionando todas as doações atuais para apoiar favelas enfrentando o coronavírus, a partir de coberturas no RioOnWatch, doações para parceiros comunitários (da lista acima), e apoio estratégico aos projetos comunitários da Rede Favela Sustentável e do Termo Territorial Coletivo.
Doações: aqui

Organização: Doando Esperança é uma campanha da Rede de Comunidades e Movimentos contra a Violência, movimento social que, desde 2006, luta contra a violência de Estado no Brasil. Leia este relato sobre a importância da campanha publicado no RioOnWatch.
Doações: aqui

Organização: A Ecco Ponto Brasil Sustentável, empresa de coleta e destinação de resíduos recicláveis, integrante da Rede Favela Sustentável, quer atender 300 coletores com uma cesta de alimentos básicos e materiais de limpeza.
Doações: aqui

Organização:Meu Rio lançou uma campanha em parceria com seis coletivos de favela (Coletivo Fala Akari, Maré 0800, Coletivo Papo Reto, Movimenta Caxias, B.A.S.E. e Conexão Favela & Arte), cada um dos quais receberá partes iguais do valor arrecadado, a ser destinado para água, produtos de limpeza e higiene e comunicações de prevenção.
Doações: aqui

Organização: Movimento 342, uma organização formada por artistas que apoiam diretamente os coletivos de favelas, está aceitando doações financeiras que serão repassadas para o Voz das Comunidades, o Coletivo Papo Reto, a Rocinha Resiste e a Redes da Maré.
Doações: aqui

Organização: MTST – Movimento dos Trabalhadores Sem Teto, organização nacional de luta pela moradia, criou um fundo de emergência para Sem-Tetos afetados pelo coronavírus.
Doações: aqui

Organização: A campanha “Não espalhe o vírus, #EspalheSolidariedade”, da Habitat para a Humanidade Brasil, está arrecadando doações para a compra de comida, itens de higiene e água para as 20 comunidades pelo Brasil onde atuam. No Rio, as famílias beneficiadas são do Cantagalo.
Doações: aqui

Organização: O Nós por Nós Contra o Coronavírus, uma campanha que inclui o Levante Popular da Juventude, o Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), Movimento dos Atingidos por Barragens (MAB), o Museu da Maré, entre outros, está arrecadando alimentos e produtos de higiene para moradores do Cerro Corá, Manguinhos, Guararapes e Borel.
Doações: Os organizadores agendam para buscar as doações arrecadadas através desse formulário, PicPay (@levante.rj) ou depósito bancário:

Banco do Brasil
Agência: 2.972-6
Conta corrente: 38.834-3
Allanis Dimitria de O. e S. Pedrosa

Organização: Os Heróis da Cidade, grupo de cooperativas de coleta e reciclagem de lixo, incluindo Coopfuturo, Coopama, ACAMJG, Coopercaxias, Cooper Nova Era e a Associação Bela Amizade, está aceitando doações financeiras para a compra de alimentos básicos e produtos de higiene para trabalhadores da reciclagem.
Doações: aqui

Organização: Projeto Ruas, ONG que apoia pessoas em situação de rua no Rio de Janeiro.
Doações: aqui

Organização: Rio Contra Corona, uma iniciativa colaborativa entre o Instituto Phi (organização filantrópica), o Banco da Providência e o Instituo Ekloos (organização de impacto social).
Doações: aqui

Organização: Rio de Paz é uma ONG que atua para a redução das violações de direitos humanos, mortes violentas e desigualdades sociais por meio de ações pacíficas e criativas que mobilizem a sociedade e poder público. A Rio de Paz está aceitando doações financeiras para a compra de cestas de alimentos básicos para os moradores do Jacarezinho.
Doações: aqui

Organização: TETO Brasil, uma organização não-governamental comprometida com a melhoria das condições habitacionais das pessoas vivendo em situações precárias em assentamentos informais, lançou campanha internacional para apoiar famílias impactadas em todos os estados do Brasil.
Doações: aqui

Recursos Adicionais de Doação

Veja um mapa das redes colaborativas de combate à Covid-19 nas favelas e periferias do Rio de Janeiro aqui.

Uma lista adicional de organizações e vaquinhas, organizada pelo grupo Gera Social , pode ser encontrada aqui.


Apoie o jornalismo hiperlocal, crítico, inovador e incansável do RioOnWatch. #QueroReportagensSobreFavelas—doe aqui.